Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos

Logo VN Cerveira mais AquaMuseu

Aquamuseu colabora com CIIMAR no projeto ECOSERVICES

Corbicula2 1 980 2500
14 Março 2017

Até 31 de dezembro de 2018, o Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental (CIIMAR) está a desenvolver o projeto INNOVMAR e, para o qual, conta com a colaboração do Aquamuseu do Rio Minho numa das linhas de investigação, o ECOSERVICES.

O objetivo geral do ECOSERVICES passa pela avaliação da qualidade ambiental, da vulnerabilidade e dos riscos para a gestão sustentável dos recursos naturais e dos serviços dos ecossistemas da costa Noroeste. No caso específico do rio Minho, a colaboração do Aquamuseu diz respeito ao trabalho de investigação que pretende avaliar o impacto do bivalve exótico, como por exemplo a amêijoa asiática, sobre espécies residentes e com importância ecológica e económica, nomeadamente a solha. O projeto mais abrangente, INNOVMAR, tem a duração de três anos e recebeu um financiamento de 4.2 milhões de euros.

De sublinhar que a espécie invasora em causa (o bivalve exótico Corbicula fluminea) é altamente resistente, reproduz-se duas vezes por ano e têm uma capacidade de adaptação ambiental e alimentar elevada. Por isso, quando introduzida num novo local, competem com os organismos já existentes pelo habitat e pelo alimento. Vários quilómetros do Rio Minho estão colonizados pela amêijoa asiática que se adaptou às condições e ocupou o espaço, eliminando parcialmente as outras espécies de moluscos.